Aprender Inglês

09 de Novembro de 2020

4 dicas para você aprender inglês depois de adulto

Confira nesse post como aprender inglês depois de adulto

Você sabia que, além do inglês ser a língua mais falada do mundo, também é considerada a língua da comunicação profissional? Ele garante novas oportunidades no mercado de trabalho, aumenta as chances de alcançar melhores cargos e melhores salários, além de ser o idioma usado entre negociações de países e empresas de diferentes partes do mundo. 

Além disso, quando se trata da língua inglesa, não existem barreiras. Mesmo estando na América Latina e mais especificamente no Brasil, longe de nativos e de países que tenham o idioma como primeira língua, o inglês ainda lhe trará diversas vantagens e benefícios. 

É por isso que vimos por aí diversos brasileiros que hora ou outra buscam aprender e alcançar a fluência no idioma. 

E, apesar de ser considerado mais fácil aprender inglês durante a infância, paralelamente ao aprendizado da língua portuguesa (que é o caso de nós brasileiros), aprender inglês durante a vida adulta é tão proveitoso quanto, e pode ser um processo bastante natural e até mesmo divertido. 

Pensando nisso, hoje nós vamos falar sobre como aprender inglês depois de adulto. Confira nossas dicas:


1) Filmes, seriados e documentários 

Como dissemos anteriormente, aprender inglês depois de adulto não precisa ser algo complicado, e pode envolver uma boa dose de entretenimento no processo. Por isso, a nossa primeira dica é que você se utilize de filmes, séries e documentários no aprendizado do idioma. 

Se você gosta de assistir filmes, pode começar por filmes infantis, de comédia e outros que tenham diálogos simples e um vocabulário fácil de ser compreendido. O mesmo se aplica quando falamos de documentários. 

No caso dos seriados, você pode começar também pelas sitcoms e séries que tenham episódios curtos, que você possa assistir com uma facilidade de entendimento, e reassistir para fixar vocabulário e entender melhor o que é dito. 

Inclusive, aqui no blog você encontra um conteúdo sobre como aproveitar a Netflix para aprender inglês, que pode ser muito útil nesse momento. 

2) Músicas e podcasts 

Se você tem dificuldade em manter uma disciplina em exercitar o idioma ou tem dificuldade em fazer exercícios comuns de gramática, ouvir músicas e podcasts também pode ser uma excelente ideia. 

Tanto a música, quanto os podcasts auxiliam na aquisição de vocabulário e estruturas, ajudam a desenvolver a habilidade de escuta e representam uma opção fácil e dinâmica de desenvolver seu inglês como um todo. 

Além disso, um outro ponto positivo é que você pode fazer o download em seu celular, computador, etc. E ouvir em diferentes situações: para exercitar, enquanto dirige ou se desloca de um lugar para outro, executando alguma atividade caseira, viajando ou fazendo exercícios físicos como caminhadas, por exemplo. 

3) Imersão 

Quando somos crianças e estamos aprendendo nossa língua oficial (materna), aprendemos através de diferentes estímulos e pelo contato direto com situações comunicativas reais.  Ouvimos diferentes pessoas interagindo, falando conosco ou conversando. 

Aprendemos até mesmo através das músicas, brincadeiras e desenhos infantis aos quais somos expostos durante o nosso processo de crescimento. 

Quando queremos aprender inglês na fase adulta, estando longe de um país que tenha o idioma como língua oficial, podemos “simular” esse processo, fazendo o que chamamos de Imersão, que é basicamente nos rodearmos do idioma o máximo possível. 

Ou seja, é importante que você mergulhe de cabeça no aprendizado da língua e traga o idioma para sua vida, fazendo com que ele esteja presente nas suas atividades diárias. 

Você pode fazer isso incluindo o inglês nas configurações do seu smartphone, notebook ou dispositivos móveis no geral, no seu hábito de leitura, no seu momento de ouvir música e assistir séries, em suas conversas com amigos, nas suas listas de tarefas e afazeres e por aí vai. 

Não importa como ou onde, o importante é que, além de estudar o idioma em determinados momentos, ele passe a fazer parte do seu convívio. Se assim for, você irá aprender com muito mais facilidade, leveza e naturalidade, além de ser muito mais rápido. 

4) Um bom curso de inglês 

E por fim, mas não menos importante, a nossa última dica é que você escolha um curso de inglês que consiga entregar aquilo que você espera e que atenda às suas expectativas enquanto aluno. 

Pense que o curso de inglês escolhido precisa ser seu grande parceiro nesse processo, e não a sua dor de cabeça ou um compromisso que você cumpre porque é obrigado. Afinal, o inglês é um investimento para sua vida pessoal e profissional a médio e longo prazo. 

Sendo assim, escolha um curso de inglês ideal, que tenha um ambiente onde você se sinta bem e acolhido, que estimule o seu desenvolvimento, com professores treinados e qualificados, além de uma metodologia que realmente faça você aprender inglês do modo que você espera. 

Enfim, por hoje era isso. Esperamos que você tenha gostado do conteúdo e compartilhe com seus amigos que também estejam na dúvida se podem ou não aprender inglês depois de adulto. 

Então, se outras pessoas que você conhece também tiverem esse questionamento, pode responder com tranquilidade: não existe idade certa para aprender inglês. O momento certo é quando você escolher ou decidir e estiver pronto e disposto para estudar o idioma. 

Lembrando que aqui no blog da TopWay você encontra diferentes conteúdos produzidos especialmente para te ajudar a aprender o idioma. Afinal, o inglês é uma das línguas mais faladas do mundo, e você não pode ficar de fora. 
 

Nós utilizamos cookies e outras tecnologias similares para melhorar a sua experiência em nossos serviços. Ao utilizar nossos serviços, você concorda com o uso dessa tecnologia.