Aprender Inglês

15 de Abril de 2020

10 dicas para se tornar fluente em inglês

Separamos algumas dicas para te ajudar a alcançar a fluência na língua inglesa

Aprender inglês têm sido cada vez mais necessário no mundo globalizado. O idioma nos garante melhores oportunidades no mercado de trabalho, no meio acadêmico e até mesmo no meio social. 

Pensando em te ajudar a alcançar a fluência com mais eficiência, separamos algumas dicas que podem ser muito úteis nessa sua jornada rumo à fluência da língua inglesa. Confira: 

1) Se divirta enquanto estuda 

Aprender inglês não pode e nem deve ser algo chato. Você deve estudar inglês sem sequer perceber que está estudando, ou seja, aprender o idioma utilizando jogos (de tabuleiro ou videogame), ouvindo músicas, lendo seus livros favoritos, maratonando séries e aproveitando as melhores cenas de seus filmes prediletos. 

2) Faça contatos diários  

Ter contato diário com a língua é fundamental para se tornar mais fluente e aumentar seu conhecimento no idioma. Até porque não existe bala mágica para aprender inglês, né? Para aprender de verdade nós precisamos exercitar, ou seja, ler, ouvir, escrever e falar em inglês todos os dias. Quanto mais praticamos, mais  aprendemos e fixamos aquilo que aprendemos. 

3) Se mantenha imerso no idioma 

Se manter imerso no idioma é fundamental para quem quer facilitar o processo de aprendizagem. Quando somos crianças, nos familiarizamos com o português com nossos pais e familiares, conversando e nos instigando para que aprendamos a falar, certo? Em uma outra língua o processo deve ser semelhante. Por isso você deve se cercar de coisas que remetam ao idioma e te mantenham o mais imerso na língua possível. 

Para isso inclua o idioma o máximo no seu dia a dia. Adapte as configurações de seu celular e redes sociais para a língua que você tem interesse. Dessa forma você vai tendo um contato com a língua de forma automática e vai se familiarizando com diversas novas palavras e expressões.  

4) Pense em inglês

Pensar em inglês é fundamental para a fluência no idioma. Mas como fazer isso? Falando com você mesmo, praticando o idioma todos os dias, se cercando de conteúdos que tenham o inglês como idioma principal (filmes, séries, documentários, músicas, podcasts, livros), anotando coisas sobre o seu dia a dia em inglês, associando palavras a imagens, repetindo tudo o que escuta e fala. Ou seja, fixando cada vez mais o idioma em seu cérebro. A imersão é o que faz com que você pense em inglês. 

5) Repita o que ouve

Sempre que você estiver estudando inglês com conteúdos que contenham áudio (músicas, podcasts, séries, filmes, etc), repita as frases, expressões ou palavras novas que você acabou de ouvir. A repetição faz com que você memorize as palavras e aumenta o seu conhecimento através do vocabulário. 

Além disso, repetindo e falando o que você ouviu, você também melhora e destrava a sua fala, fazendo com que as palavras soem cada vez mais naturais para você. Grave a sua própria voz no seu celular e escute a si mesmo, dessa maneira você, além de destravar a sua fala, também melhora sua pronúncia. 
 
6) Converse em inglês

Você não precisa ter medo ou se desculpar por ainda não saber tudo na língua inglesa (até porque, no fundo, ninguém sabe tudo). Você precisa aproveitar todas as oportunidades e conversar bastante em inglês com pessoas que também estejam aprendendo ou então com nativos da língua. Assim você pratica a língua, desenvolve suas habilidades de fala e escuta e fica cada vez mais próximo da fluência no idioma. 

 

7) Use ferramentas online 

 

Você também pode utilizar ferramentas técnológicas online para se comunicar/conversar com outras pessoas em inglês. Ferramentas como Skype, Facetime e outras de vídeochamada podem ser ótimas para se manter estudando o idioma e praticando com outra pessoa mesmo estando sozinho em casa. 

Além disso, também existem inúmeros sites e plataformas online para te ajudar a aprender inglês com séries, músicas e jogos. 
 
8) Não se preocupe com sotaque 

É natural que a gente fique com medo ou vergonha do nosso sotaque enquanto estrangeiro aprendendo um segundo idioma. Mas você não precisa se preocupar com sotaque. Você só precisa se preocupar com a pronúncia correta das palavras para evitar mal entendidos. 

Mas, você sempre será um brasileiro aprendendo inglês e está tudo bem em soar tal qual. Preocupe-se com passar a mensagem de maneira clara e se comunicar com as pronúncias corretas e só. 

9) Não seja só um aprendiz da língua 

Não se limite apenas aos conteúdos aprendidos em aula com seu professor. Não se limite a ser apenas um aprendiz da língua que faz os contatos apenas quando está em aula. Tenha claro em sua mente que você quer ser fluente na língua e tente pensar como um nativo da língua inglesa. Além disso tente não traduzir todas as palavras, mas converter em imagens. A tradução é inimiga da fluência. 

10) Nada de medo! 

O medo é outro inimigo do aprendizado da língua inglesa. Ele nos impede de praticar a fala e acaba atrasando todo o nosso estudo. Por isso, faça exercícios para perder o medo. Entenda que todos erramos quando estamos aprendendo algo e que ninguém irá lhe julgar por saber mais ou menos do idioma. 

Se desprenda dessas amarras e pratique o máximo que puder. Até porque você só vai alcançar o seu objetivo se você tentar, e só vai aprender a falar inglês, falando. 

Extra: 
 

Participe do curso online da TopWay! Isso mesmo! Durante a quarentena, nós adaptamos nosso curso para a modalidade a distância e online para que nossos alunos (e futuros alunos) continuem aprendendo inglês e mantendo minimamente sua rotina! 

 

É a qualidade e comprometimento TopWay na segurança da sua casa. Tá esperando o que? Vem ser fluente com a gente! 


Ficou curioso? Entre em contato com a roxinha mais próxima de você e participe de uma aula online! As suas habilidades na língua, com certeza, nunca mais serão as mesmas!  
 

Nós utilizamos cookies e outras tecnologias similares para melhorar a sua experiência em nossos serviços. Ao utilizar nossos serviços, você concorda com o uso dessa tecnologia.