Dicas

11 de Novembro de 2020

10 dicas para aprimorar o aprendizado do inglês

Saiba como facilitar e aprimorar o aprendizado da língua inglesa

Aprender inglês no mundo globalizado já deixou de ser considerado um diferencial para se tornar uma necessidade real, principalmente no mercado de trabalho e no universo dos negócios. 

No entanto, com a vida corrida e agendas cheias, a falta de tempo também é uma realidade na vida de muitas pessoas, o que dificulta o domínio da língua inglesa para muitos. 

Sendo assim, a procura por cursos de inglês têm sido  constante e a necessidade de aprender o idioma de maneira rápida e prática se faz cada vez mais presente na vida dos brasileiros. 

Pensando nesse cenário, hoje trouxemos 10 dicas para aprender inglês mais rápido e de uma forma muito prática. Veja: 

1) Se organize 

Como já mencionamos outras vezes aqui no blog, o aprendizado da língua inglesa não precisa ser algo complicado e maçante, mas exige disciplina por parte de quem aprende. Por isso, a nossa primeira dica é que você comece por se organizar.  A organização pode ser determinante para o seu bom desempenho no uso do idioma. 

Organize sua agenda, seu espaço de estudos, seus dias e sua rotina em geral para incluir no seu dia a dia um tempo para dedicar ao inglês. 

2) Se planeje 

Planejamento também é fundamental. Então, busque planejar como você quer levar o aprendizado do inglês adiante. Liste suas atividades e se pergunte: Você vai investir em um curso de inglês? Se sim, qual o tempo de duração deste curso? Quantas aulas por semana você terá? Quanto tempo você irá dedicar ao aprendizado do idioma (além dos dias de aula)? 

Essas informações são importantes na hora de você montar um cronograma compatível com a sua agenda e organizar o seu envolvimento com o aprendizado da língua. Esse planejamento fará com que você não perca aulas e tenha mais disciplina para focar no que você já priorizou.  

3) Não se sobrecarregue 

Mesmo tendo como objetivo aprender inglês mais rápido, é importante que você não se sobrecarregue. Então, nossa terceira dica é que você tenha doses diárias e pequenas de contato com a língua, e não fique horas  tentando resolver exercícios de gramática de forma mecânica que você sequer entende a relevância, por exemplo.

Essas doses diárias podem ser dinâmicas e divertidas como: ouvir um podcast e praticar a escuta, assistir a um episódio da sua série favorita em inglês e explorar o vocabulário naquele contexto, fazer uma sessão de karaokê com suas músicas favoritas em inglês - e por aí vai. O importante é praticar sempre que puder de maneira prazerosa, como você preferir.  

4) Lembre-se da importância de estudar com frequência 

Quanto mais frequência e regularidade no exercício da língua inglesa, mais rapidamente o aluno se torna fluente no idioma. Se você receber (estudar) um conteúdo hoje e passar três semanas sem praticar a língua ou empregar aquilo que foi visto, com certeza esse aspecto linguístico não será internalizado de forma efetiva e, se seguir nesse ritmo, levará anos para desenvolver, de fato,  suas habilidades comunicativas no  idioma. 

 Lembre-se da importância de estudar, ter contato com o inglês diariamente (seguindo a ideia de doses diárias que nós citamos no tópico anterior). 

5) Faça imersão no idioma 

Sabe quando alguém passa pouco tempo em países estrangeiros como EUA ou Canadá e volta falando inglês com muito mais facilidade? Isso acontece porque essa pessoa está 100% envolvida com o inglês, ouvindo e exercitando a língua constantemente, interagindo num contexto real de uso da língua. 

Ou seja, essa pessoa esteve imersa na língua inglesa e, como já mencionamos anteriormente aqui no blog, a melhor forma de aprender inglês de verdade e mais rapidamente é, com certeza, mergulhando no universo da língua. 


E essa imersão não precisa ser feita, necessariamente, viajando para um outro país. Ela pode e deve ser feita na sua casa, com as suas atividades diárias e com seu curso de inglês. Basta buscar envolver o inglês em tudo o que você fizer. 

6) Não esqueça das conversações 

Para aprender inglês e se tornar fluente no idioma no menor tempo possível, será necessário que você pratique e pratique muito, principalmente a fala. Sendo assim, busque participar de grupos de conversação em inglês (com nativos, quando possível), participe dos momentos de interação do seu curso, converse com amigos e, sem vergonha, fale até mesmo sozinho, pois o importante é exercitar! 

Lembre-se: você só vai aprender a falar, falando. 

7) Aprenda com diversão 

O aprendizado da língua inglesa não pode e não deve ser algo maçante e complicado para você. Na verdade, quanto mais prazeroso for o processo, mais rápido você irá aprender e terá mais disciplina na hora de estudar. Para isso, invista em métodos e atividades interessantes e significativos para seus objetivos. 

Então, sempre que puder, inclua o elemento diversão no seu processo de aquisição da língua. Ouça uma música e cante em inglês, assista a um filme ou seriado e se aventure sem legendas, ouça podcasts com seus assuntos preferidos, estude com jogos e livros e aproveite esse momento ao máximo! 

8) Desenvolva sua habilidade de escuta 

Além de ter momentos de fala e conversação, é importante que você desenvolva bem a sua habilidade de escuta. Essa habilidade pode ser estimulada com músicas, podcasts, audiobooks, descrições de áudio e mídias em  geral. 

Essas mídias irão auxiliar no seu desenvolvimento, irão lhe apresentar vocabulários e pronúncias e você irá aprender com um toque de entretenimento, assim como indicamos no tópico anterior.  

9) Não esqueça de ler e escrever 

Assim como fala e escuta, você não pode esquecer de ler e escrever para desenvolver por igual todas as habilidades comunicativas no idioma. Leia bastante. Você pode ler livros, revistas, ler descrições de jogos, letras de músicas, legendas de série, artigos de diversas áreas de interesse, instruções de montagem de algo, receitas de bolo e por aí vai. 

No caso da escrita, a lógica é a mesma. Você pode escrever listas de compras, suas atividades diárias, diálogos fictícios e o que mais você quiser. O importante aqui é praticar. 

10) Não tenha medo de errar 

Quando se trata de aprender inglês, o medo precisa ser deixado de lado. Então, reúna as nossas dicas desse conteúdo com a sua vontade de aprender inglês e se jogue no universo da língua inglesa. Sem medo, sem vergonha. Fale, converse, cante, leia, escreva, escute e faça tudo o que puder para alcançar seu objetivo de se tornar fluente no idioma. 

Não se envergonhe dos erros e erros cometidos, pois até mesmo nativos de um idioma os cometem uma hora ou outra. Na verdade, você deve ousar e ter orgulho da sua iniciativa e do seu empenho em usar a língua para comunicar suas ideias, se expressar!

Por hoje é só! Esperamos que você tenha gostado do conteúdo! Compartilhe com seus amigos e colegas nas redes sociais. Até a próxima! =) 
 

Nós utilizamos cookies e outras tecnologias similares para melhorar a sua experiência em nossos serviços. Ao utilizar nossos serviços, você concorda com o uso dessa tecnologia.