Trip

12 de Dezembro de 2017

Já ouviu falar de Work and Travel? Entenda como funciona!

O Work and Travel é um programa de trabalho remunerado nos Estados Unidos, voltado para universitários entre 18 e 28 anos. Confira os detalhes no post.

Quer alavancar sua carreira, ampliar suas oportunidades na vida acadêmica e profissional e, de quebra, viajar para o exterior? Nesse contexto, um programa de intercâmbio é uma ótima experiência, que permite ao intercambista aperfeiçoar uma segunda língua e ter uma vivência internacional.

O mercado de trabalho procura cada vez mais por profissionais que tenham experiências como essa no currículo. Além disso, os intercâmbios também são o sonho de grande parte dos estudantes.

No entanto, nem sempre é possível realizá-los com facilidade. Muitas vezes, durante a faculdade, os universitários não possuem tempo livre disponível ou os recursos financeiros para se sustentar em outro país enquanto continuam com seus estudos.

Em uma situação dessas, o Work and Travel é uma nova modalidade de intercâmbio que pode ser a solução para o problema desses estudantes. Confira no texto abaixo como o Work and Travel funciona e veja se ele se adequa aos seus interesses:

 

O que é Work and Travel?

O Work and Travel é um programa de trabalho remunerado nos Estados Unidos, voltado para universitários entre 18 e 28 anos.

Os jovens que realizam essa modalidade de intercâmbio podem passar de 3 a 4 meses no país, sendo que pelo menos um mês é livre de trabalho. É um “grace period”, que permite que o estudante viaje e conheça os Estados Unidos.

Tal período acontece sempre durante as férias de verão do Brasil — ou seja, entre os meses de novembro e fevereiro. Dessa forma, o estudante que optar por realizar um Work and Travel não terá que se preocupar com a possibilidade de perder aulas ou semestres importantes da faculdade.

Os estudantes que fizerem um Work and Travel podem trabalhar como concierge de hotéis, caixa de restaurantes de fast food, camareiro, garçom, hostess, assistente de cozinha, entre muitas outras profissões. Os trabalhos disponibilizados para os universitários são sempre operacionais, o que é uma regra do governo americano. Além disso, são essas as funções que exigem contato direto com o público, o que possibilita desenvolver bem o idioma.

 

Como funciona?

Existem algumas regras que devem ser seguidas por aqueles que querem realizar um Work and Travel. Os pré-requisitos para esse tipo de intercâmbio são os seguintes:


O visto de viagem dos estudantes que realizam o Work and Travel é o J1, que permite que o aluno trabalhe nos Estados Unidos em cargos operacionais.
As vagas de emprego podem ser conseguidas diretamente pelo estudante, contatando as empresas para as quais gostaria de trabalhar, ou por meio de uma agência de viagens, que faz a mediação entre a empresa e os interessados no programa.

 

Qual a carga horária desse programa?

A carga horária e valor do salário por variam de acordo com a empresa para qual o estudante vai trabalhar.

- ter entre 18 e 28 anos;
- possuir inglês intermediário ou avançado;
- ser estudante universitário regularmente matriculado no ensino superior;
- ser flexível para trabalhos operacionais e mudança de cidades e funções.

 

Quais os benefícios?

Como é realizado durante as férias de verão, os estudantes que realizarem um Work and Travel não vão precisar se preocupar em perder aulas da faculdade.

Por ser um trabalho remunerado, essa é uma ótima oportunidade para juntar um pouco de dinheiro e, assim, ter uma experiência de viagem mais tranquila em termos de finanças. O Work and Travel é um tipo de intercâmbio que têm uma das melhores relações entre custo e benefício.

Ter trabalhado em um ambiente onde sua língua materna não é a principal pode ajudar a conseguir pontos extras durante uma entrevista de emprego aqui no Brasil. Essa é uma ótima oportunidade de crescimento pessoal e profissional.

Por fim, outro benefício do Work and Travel é a possibilidade de conhecer a verdadeira cultura dos Estados Unidos. Diferente dos intercâmbios “normais”, as vagas disponíveis para essa modalidade são, normalmente, orientadas para cidades pequenas e médias. Assim, é menor o risco de encontrar outros brasileiros e cair na tentação de conversar em português.

 

Gostou de aprender mais sobre o Work and Travel, essa modalidade de intercâmbio que têm se popularizado nos últimos anos? Siga-nos nas redes sociais e acompanhe mais dicas sobre idioma, aprendizado em uma segunda língua e intercâmbio. Estamos no Facebook, Twitter, YouTube e Instagram!