Aprender Inglês

06 de Maio de 2021

Entenda por que você deve praticar o inglês

Lembre-se do que sua avó já dizia: a prática leva à perfeição

Diversas vezes nós mencionamos que, para aprender inglês, você deve praticá-lo com frequência. Você não deve apenas estudar a língua formalmente, mas deve ter contato real e autêntico com ela, principalmente através de conversação.

Mas você já parou para se perguntar por que praticar é de fato importante?

Imagine que você quer experimentar cozinhar algo. Cookies, por exemplo. Você busca a receita na internet, compra todos os ingredientes necessários e se prepara para dar início à bagunça na sua cozinha.

Você nunca fez cookies antes e, portanto, só tem o conhecimento do que precisa fazer, graças à receita. Para aprender a cozinhar esses cookies, você vai precisar fazer de fato os cookies. Terá que seguir o passo a passo da receita e constatar se foi possível ou não fazê-lo.

Talvez da primeira vez dê errado, já que é uma receita e não uma fórmula perfeita de como fazer cookies. Seu forno pode ser diferente, você pode ter colocado chocolate demais ou de menos… Enfim, com o tempo, você terá que repetir a receita diversas vezes até realmente conseguir fazer cookies que você considera perfeitos (principalmente, do seu jeito).

Aprender uma língua estrangeira, como o inglês, parte de um princípio bem parecido. Primeiro, você começa a conhecer algumas palavras e verbos, seus “ingredientes”. Depois, você precisa aprender a usar esses “ingredientes” juntos. Para isso, você vai precisar, então, seguir a “receita” - até conseguir falar inglês fluentemente.

Ok, talvez ainda não tenha ficado clara a importância de praticar o inglês. Vamos sair um pouco do campo da analogia e vamos conversar sobre algo mais concreto. Há algum tempo nós falamos sobre aprender inglês da mesma forma que aprendemos nossa língua materna. Vamos partir daí?

Pense que você tem um bebê na sua frente e lhe deram a missão de fazê-lo falar português. Qual a primeira coisa que você faria?

Você daria uma aula sobre o pretérito mais-que-perfeito? Entregaria para o pobre bebê uma lista de palavras sobre viagens? Ou você falaria em português com ele, incentivando-o a repetir o que você está dizendo e a interagir com você?

Claro, você pode argumentar que ninguém ensinaria tempos verbais ou pediria a um bebê para memorizar palavras, porque ele… Bem, é um bebê, certo? Mas não há como negar que esse bebê só aprenderá português depois de muita exposição à língua e muita prática. Só depois, na escola, por volta dos seus 6 anos de idade, que esse bebê terá uma instrução formal sobre a sua língua materna.

Nesse ponto, a história pode ser um pouco diferente da história dos cookies. Aqui, a receita vem depois. De qualquer forma, o que ambas têm em comum é o fato de que, seja para cozinhar cookies ou aprender sua língua materna, é imprescindível que você pratique.

Hoje em dia não é difícil entrar em contato com a língua inglesa. Você está sempre sendo exposto a conteúdos nessa língua. No rádio, sempre tocará pelo menos uma música em inglês. No seu serviço de streaming preferido, sempre terá uma série ou um filme em inglês que você queira muito ver, mas não foi feita a dublagem ainda. Mesmo que você preste atenção na legenda, o seu ouvido estará sendo estimulado pelo áudio em inglês.

No entanto, quando falamos em colocar o seu conhecimento em prática, a coisa muda de figura. Você não pode ser passivo nesse processo: deve buscar formas de praticar. Você pode entrar em um fórum em inglês para conversar sobre um assunto do qual gosta, por exemplo. Talvez você até tenha um amigo que esteja aprendendo inglês também e esteja disposto a conversar com você apenas nesse idioma.

Não se esqueça que, para se tornar fluente em inglês, você precisa ter calma. Ninguém acorda fluente um dia. É necessário muita dedicação e persistência. Mas esse caminho pode ser "encurtado" se você se manter em contato constante com a língua - através de estímulos audiovisuais e da prática, por exemplo. Não tenha medo de errar, porque isso faz parte do processo de automatizar o seu conhecimento.

E então? O que você está esperando para praticar o inglês?

Nós utilizamos cookies e outras tecnologias similares para melhorar a sua experiência em nossos serviços. Ao utilizar nossos serviços, você concorda com o uso dessa tecnologia.