Aprender Inglês

3 de Janeiro de 2022

Saiba como ser fluente em inglês sozinho

Descubra como criar uma rotina de estudos para começar a estudar inglês sozinho e sem sair de casa!

Deixa eu adivinhar, você quer aprender inglês, mas não curte muito trabalhar em grupos, nem se expor muito em uma sala de aula? É aquele tipo de pessoa mais reservada, que não gosta muito de socializar com colegas em sala de aula? 

Não tem problema, existem diversas outras maneiras para você se tornar fluente!
 
Hoje, nós vamos trazer dicas para pessoas que querem aprender uma outra língua, mas não querem investir em um cursinho, seja por motivos financeiros, por desmotivação ou inadequação aos métodos tradicionais ou até mesmo por personalidade. 

Então você quer aprender inglês sozinho? Vem com a gente descobrir como se faz.

O que é preciso para aprender inglês sozinho

 

Primeira coisa para quem quer seguir “carreira solo” e aprender inglês sozinho: tenha disciplina e organização!

Outro ponto a ser levado em consideração: use e abuse da tecnologia, pois ela vai ser sua aliada nesse processo. Graças a esse recurso, você tem a chance de criar sua própria estratégia de estudo e se tornar fluente do seu jeito e no seu tempo.  

Agora que você já sabe o que deve fazer, pegue um papel e uma caneta e escreva os motivos e objetivos que o levaram a querer aprender uma segunda língua. É a partir desses motivos e objetivos que você vai começar a traçar a sua jornada, ou seja, a sua estratégia e planos de estudo para conseguir alcançar a sua tão sonhada fluência. 

A seguir, você deve avaliar as ferramentas, metodologias e plataformas de ensino que melhor funcionam para você, pois elas vão ajudar bastante durante sua caminhada.

Como aprender inglês sozinho

Você já parou para pensar qual a melhor estratégia de aprendizado para você? Como você aprende melhor? Lendo? Escutando alguma coisa? Vivenciando?

Escolha o seu método e personalize todo o processo do seu jeito!

Vamos ao passo a passo para conseguir aprender inglês sozinho!

1. Tenha disciplina

Este passo é fundamental em qualquer processo e caminho que a gente decida trilhar. A auto sabotagem quando decidimos “voar solo” é a pior inimiga do sucesso. Portanto, se quiser alcançar seus objetivos e ver resultado, tenha disciplina!

Sem ela, de nada adianta você continuar lendo nossas dicas, afinal, todas as ferramentas e recursos que vamos mostrar aqui só terão utilidade se você fizer a sua parte.

Como já falamos acima, defina suas metas e siga todas elas. Escreva seus objetivos em um papel que fique bem a vista, e volte a lê-los sempre que necessário. Você quer aprender inglês? Mesmo? Então vai precisar de foco, prioridades e não desistir até atingir seu objetivo.

2. Seja organizado(a)

A organização e a disciplina andam de mãos dadas e lado a lado. Depois que você decidir quanto ao material que vai usar nos seus estudos, nas metodologias e ferramentas que vai fazer uso durante sua jornada, é hora de decidir qual o melhor horário do dia para se dedicar ao inglês e o tempo de duração desse momento.

Essa escolha é muito importante, pois vai influenciar diretamente no seu processo de aprendizagem e aquisição da língua. 

Escolha um horário do seu dia em que você esteja descansado. Se você não é uma pessoa matinal, não escolha a manhã para se dedicar aos estudos. Se depois do almoço bate aquele soninho, não é esse o momento para começar a estudar.

Leve em consideração também se você não consegue se concentrar com barulho no ambiente ou nos arredores. Caso seja esse seu caso e você more com sua família, não estude na sala, por exemplo. 

Escolha um quarto mais silencioso na casa ou um horário em que sua família não esteja e faça esse o seu momento de estudo.  

E por fim, uma última dica no que diz respeito à organização: tenha o seu cantinho de estudos. Lá você vai ter todo o material necessário para estudar inglês, caderno, canetas coloridas, post-it, computador, tomada, livros, etc. 

Dessa maneira, você evita o famoso “senta/levanta” (senta para estudar, levanta para buscar um caderno, senta de novo, levanta para buscar uma caneta, senta mais uma vez, levanta para procurar seu post-it que está em algum lugar da casa, senta na cadeira pela décima vez, e assim vai). 

Todo esse senta-levanta faz com que você perca muito tempo de estudo e disperse bastante sua concentração. 

3. Foco na imersão na língua

Viva o inglês no seu dia a dia! Sim, todas as estratégias que trazemos aqui são importantes, mas essa é umas das mais importantes! A língua que você quer aprender deve fazer parte da sua vida, 24 horas por dia, 7 dias da semana.

Pense em inglês, leia artigos na língua-alvo, mude o idioma dos seus eletrônicos, escute músicas estrangeiras, etc. Entenda que o idioma está ao seu redor e cabe somente a você absorver todo esse conhecimento.

Muitas vezes, a gente se preocupa em buscar o melhor livro, o melhor site ou até a melhor metodologia de ensino, mas o que faz a maior diferença no seu processo de aquisição é vivenciar e experienciar a língua. 

A frase de impacto que fica aqui é: se preocupe em ser você o melhor aluno possível!

4. Estabeleça uma rotina de estudos

Fica muito mais fácil aprender algo novo se você segue uma rotina de estudos séria. A ideia aqui é separar um horário fixo todos os dias para que você possa se dedicar ao aprendizado de uma nova língua. Faça desse momento uma parte essencial do seu dia e se mantenha fiel a essa rotina!

Muita gente acaba desistindo por não ter a disciplina para sentar e estudar. Se for preciso, coloque metas: estude por 30 minutos e faça um lanche, coloque um chocolate entre cada página como recompensa por focar nos livros e por aí vai.

5. Procure por recursos divertidos que ajudem você a estudar

Muitos estudantes e aprendizes de uma segunda língua reclamam que a gramática é a parte mais difícil e chata de ser aprendida.

Pode ser que seja verdade, afinal cada um aprende de uma maneira, e o que é mais simples para alguns, é mais complicado para outros. Mas você já pensou em usar alguns truques divertidos que vão ajudar você a aprender e memorizar a gramática da língua inglesa?

É possível encontrar vídeos bastante didáticos no YouTube que ensinam truques fáceis de serem compreendidos e, por consequência, memorizados para a aprendizagem de regras de acentuação, pronúncia, pronomes, phrasal verbs, etc.  

Além de ser de graça, essa tecnologia vai alavancar seu aprendizado! Bora procurar esses vídeos no YouTube?

Outra ideia é utilizar flashcards! Eles são nada mais nada menos que pedacinhos de papel que você usa para memorizar determinadas palavras, estruturas, expressões, etc. 

Para que essas cartas realmente sejam efetivas e cumpram seu papel, a ideia é que você cole elas em lugares bem visíveis do seu dia a dia para ajudar no seu processo de memorização e aprendizagem

Você pode fazer uso de post-its coloridos, onde cada cor indica algo. O azul, por exemplo, pode ser usado para palavras que você quer aprender, amarelo para estruturas gramaticais, rosa para expressões idiomáticas e assim por diante.

E, caso você seja uma pessoa mais tecnológica e ache que flashcard é coisa do passado, pode fazer uso de apps que têm função muito similar aos post-its, como o Quizlet e o Knudge.me.     

E aí, depois dessas dicas mega legais, você se sente mais preparado para aprender inglês sozinho? Conta para a gente nos comentários qual dica achou mais interessante e útil para que consiga alcançar a tão sonhada fluência em “carreira solo”!

Nós utilizamos cookies e outras tecnologias similares para melhorar a sua experiência em nossos serviços. Ao utilizar nossos serviços, você concorda com o uso dessa tecnologia. Para saber mais acesse aqui