Aprender Inglês

28 de Dezembro de 2020

Como aprender inglês do jeito que aprendemos nossa língua materna

Saiba como aprender inglês da mesma forma que uma criança aprende a sua língua materna

Você provavelmente já ouviu por aí sobre a importância de aprender inglês, certo? E, provavelmente, já ouviu também que a melhor fase da vida para aprender inglês é na infância.

Isso tem sua razão de ser. Durante a infância, o aprendizado se dá de maneira espontânea, meio  lúdica, pelo contexto natural que se instaura, além de envolver muita motivação por parte de todos que estão envolvidos na educação da criança.

Além disso, na infância, nós temos uma aptidão natural para a aquisição da língua e por isso desistir  é uma opção inexistente. Já na fase adulta, a realidade é diferente, e adultos estão suscetíveis a desmotivação por diversos fatores.

Então, isso significa que só é possível aprender inglês de um jeito fácil e de forma natural durante a infância? A resposta para essa pergunta é simples e direta: não! Na verdade, se conduzido adequadamente, o aprendizado da língua, efetivo e natural, é perfeitamente viável para pessoas de todas as idades.

Como fazer para aprender inglês seguindo o mesmo princípio e a forma como uma criança aprende sua língua materna?

1) Com imersão

A melhor forma de aprender inglês de maneira rápida, efetiva e natural com foco na comunicação é através da imersão na língua. E o que isso significa? 

Imergir na língua inglesa significa estar vivenciando a experiência da aquisição do idioma por inteiro, como se estivesse no exterior, sem português à sua volta! É o que acontece quando vamos para um país como Canadá ou EUA, numa viagem de férias, trabalho ou intercâmbio e tudo à nossa volta está em inglês - não somente a língua, mas o meio como um todo - estamos comunicando aquilo que, ao mesmo tempo, estamos vivenciando. 

Para que você tenha esse meio tão propício para o aprendizado da língua sem sair do Brasil, você precisa envolver o idioma no seu dia a dia.  Familiarizar seu cérebro com o idioma através de atividades em diferentes formatos, trabalhando todas as habilidades linguísticas de forma integrada. Por exemplo, ouvir um áudio, ouvir novamente lendo o script e, na sequência, produzir um texto personalizando a ideia trabalhada.   

Você pode começar com coisas simples como ouvir músicas em inglês, assistir séries em inglês com legenda, escrever suas atividades diárias, ler livros infantis, trocar as configurações do seu celular para ter mais contato com o inglês, escolher um curso imersivo e por aí vai... 

2) Sem vergonha de errar 

Uma das principais vantagens de aprender qualquer idioma durante a infância, (seja a nossa língua mãe ou um segundo idioma), é que nessa idade nós não temos vergonha nem medo de errar. Ignoramos completamente este conceito, na verdade. O que conta é experimentar, tentar, descobrir como dizer, dizendo!

A criança aprende com os erros e segue em frente. Por isso o aprendizado acontece no seu curso natural de acordo com o indivíduo, seu meio e suas aptidões. No entanto, não é porque você está aprendendo inglês na fase adulta, que não  pode deixar de lado essa vergonha de errar.

Lembre-se que toda pessoa que ousa a se desafiar em algo novo, irá cometer erros. O erro faz parte de qualquer tipo de aprendizado. Então, livre-se dessas amarras. Não há nada de vergonhoso em errar para fazer melhor depois!  Feio é não sair do lugar.
 

3) Com música

Um dos principais estímulos para uma criança aprender sua língua materna ou um segundo idioma, é produzido através da música. 

Isso porque a música em si sempre comunica algo; é uma forma de linguagem, assim,  auxilia na aquisição de vocabulário e nos ajuda a memorizar estruturas da língua.  E, quando o idioma é praticado através da música, ativamos áreas específicas do cérebro ligadas às emoções e à memória, o que torna mais efetiva e prazerosa a fixação daquilo que está sendo ouvido.

Então, bora usar a música como um momento de “estudo” descontraído para ter contato com o idioma de maneira leve e ouvir diferentes sotaques?

4) Com contexto

Quando uma criança está aprendendo um novo idioma, a principal estratégia usada por ela é a de fazer deduções, tirar suas próprias conclusões através do contexto, da situação comunicativa em que ela está vivenciando. Sendo assim, para aprender inglês da forma que uma criança aprende, é fundamental que a língua seja trabalhada  dentro de um contexto - fazer associações, deduções, descobertas sobre o funcionamento da língua a partir do contexto criado.

Isso significa que é importante aprender através de uma situação específica, como por exemplo praticar o verbo “to be” através de um diálogo entre duas pessoas que estão se conhecendo, se encontrando pela primeira vez. 

Exemplo:

      - My name is Cecel. I am an English Teacher. What 's your name?

      - My name is Maria.

Na TopWay, nós trabalhamos com situações comunicativas dentro de um contexto específico de uso da língua em todas as nossas aulas. Cada aula traz um tema e através dele nós exploramos uma construção gramatical com diálogos e atividades interativas pertinentes e contextualizadas, para que, mesmo sem dominar completamente as estruturas e todo o vocabulário em uso, o aluno acompanhe, compreenda e participe ativamente nas aulas.

5) Sem medo de falar

Como mencionamos anteriormente, as crianças possuem uma audácia natural para brincar com a língua, fazer experimentos linguísticos enquanto aprendem a se expressar nela.

Sem a vergonha de errar, as crianças desenvolvem a fala sem maiores dificuldades, pois não são parados pelo medo ou qualquer outro receio nesse sentido. Se você quiser aprender inglês com a mesma facilidade e naturalidade que uma criança, você precisa deixar de lado, não só a vergonha, mas também o medo de falar. Afinal, você só vai aprender a falar, falando. 

6) Com jogos

Durante a infância, utilizar jogos como ferramenta de aprendizagem também é uma ótima ideia. E não há motivos para você não repetir esse processo quando está aprendendo inglês na fase adulta.

Tanto os jogos de tabuleiro quanto os jogos de RPG, por exemplo, são ótimos recursos para a prática, que oferecem estímulo para seguir praticando, trazem diversão ao processo de aprendizado  e é uma excelente maneira de adquirir vocabulário.

7) Com criatividade

É necessário criatividade para manter a atenção de uma criança quando ela está desenvolvendo determinada habilidade, assim como é essencial despertar a própria habilidade criativa na criança através de todo e qualquer processo de aprendizagem.  Quando se trata de aprender um novo idioma, a criatividade tem o mesmo papel e se torna ainda mais importante.

E, assim como acontece com uma criança, a falta de atenção pode ser um fator negativo no seu aprendizado, também. Então, use e abuse da criatividade para se manter engajado verdadeiramente no processo. Aprenda com atividades criativamente desenvolvidas e que você se identifique com sua proposta; busque por um curso com qualidade e que tenha os elementos criatividade e diversão na abordagem de ensino; faça uso de recursos e ferramentas que façam você gostar do que está aprendendo. Seja criativo você mesmo e use essa habilidade a seu favor!


8) Com estímulo 

E por fim, para aprender inglês durante a infância, são necessários diferentes estímulos, incentivo e insumos variados para que a criança adquira a língua pela prática. Por isso, busque situações que o encoraje a prosseguir. Busque por um curso que mantenha a sua motivação para o aprendizado; tenha por perto pessoas que queiram ver o seu processo e que estejam dispostas a ajudar.  Estude através de mecanismos que você goste e sinta o prazer de estar evoluindo.

E ahhh, lembre-se de não passar horas e mais horas estudando com listas extensas de exercícios de gramática, pois isso tornará o processo cansativo e maçante, e não é isso que nós queremos. Certo?

Enfim, por hoje era isso! Não esqueça de compartilhar esse conteúdo com seus amigos e até a próxima =) 

Nós utilizamos cookies e outras tecnologias similares para melhorar a sua experiência em nossos serviços. Ao utilizar nossos serviços, você concorda com o uso dessa tecnologia. Para saber mais acesse aqui